quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

urgente

da longa estrada,
em pouco caminhada
mais pela idade
menos pela garra
aquieta!

a bonança esperada,
chegará!

quanto ao temor e lamento de agora:
deixa queimar ...

levanta tua fronte
entende o processo
te acolhe na tua fé
prossegue !

vai, não teme o que virá
ainda que hesite queimar tua pele
o sol brilhará !

coragem !