segunda-feira, 31 de março de 2008

21º dia


- O que foi ?!
- eu tô com medo ...
- deixa disso ... vem !
- mas ... e a noite
-
eu amanheço ...
- e a chuva ?!
-
eu enxugo ...
- e o silêncio ?!
- eu canto ...
- e a distância ?!
- eu volto ...



sexta-feira, 7 de março de 2008

saomaisoumenosunsduzentoseoitentaecincoquilometros ...

Se você vier
Pro que der e vier
Comigo...
Eu lhe prometo o sol
Se hoje o sol sair
Ou a chuva...
Se a chuva cair
Se você vier
Até onde a gente chegar
Numa praça
Na beira do mar
Um pedaço de qualquer lugar...
E nesse dia branco
Se branco ele for
Esse tanto
Esse canto de amor
Esse tão grande amor
Grande amor...

Se você quiser e vier
Pro que der e vier
Comigo...Comigo!...
DIA BRANCO
Geraldo Azevedo / Renato Rocha

domingo, 2 de março de 2008

Ô Beleza ...


é minha gente sorrindo
é música de felicidade na voz
é canção de amar sem dor alguma

é ver os queridos sem ter hora pra acabar
é beijar sem medo de esquecer
é amar sem receio de chorar

é ver felicidade de quem amo
o sucesso de quem admiro
o sorriso de quem desejo

é ver meu Sport Campeão
meu candidato ganhando eleição
meu samba em evocação

é ouvir "batutas de são josé"
e gritar ... "deixa o frevo rolar ... eu só quero saber se você vai brincar"

é esperar o carnaval e subir ladeira
é cantarolar todos os frevos de rua ...
é se arrepiar com maracatu , com caboclo de lança, papa-angu, La ursa ...

é lembrar da guerras de "carrapateira"
dos bodoques, férias e praias da infância ...

é cerveja gelada com gente querida ...
é família reunida sem melancolia ...

é saudade de quem importa ou importou ...

Ah ... é tanto que nem se mede ...
que nem tem nome ...
que a lembrança guarda tão bem que a gente até esquece de escrever ...

é força ... é graça ... é sonho
é paixão ... é luz ... é samba
é a fé !